Meditação Cabalística

18/04/2015 by in category Arquivada with 0 and 0
Home > Atividades > Arquivada > Meditação Cabalística

Devido ao isolamento pela pandemia do Covid-19, não temos previsão de data para esta atividade.

O objetivo destes encontros que acontecem quinzenalmente é praticar a meditação para fortalecer nosso poder de transformação, utilizando os 72 Nomes Sagrados de D’US. Segundo o Rabino Joseph Saltoun, os 72 nomes de D’US são sequências de três letras hebraicas que têm o extraordinário poder de superar as leis da natureza humana.

“Falamos sobre as letras hebraicas para que tivéssemos uma base para abordar o assunto da meditação cabalística, que se baseia nos 72 nomes de Deus. O quadro está disponível em diversas publicações do Centro de Estudos da Cabala. Os 72 nomes de Deus não são na verdade nomes, são 72 sequências de 3 letras hebraicas, que têm o extraordinário poder de superar as leis da natureza e as leis da natureza humana. Cada conjunto de 3 letras corresponde à um atributo divino e funciona como um cabo que transmite a energia da Luz para o nosso mundo físico.

Cada conjunto de três letra corresponde a um atributo divino e funciona como um cabo que transmite a energia da Luz para o nosso mundo físico. Com a prática da meditação podemos transformar nossa consciência robótica, nossos desejos egoístas  em consciência mais elevada, permitindo a manifestação do desejo de compartilhar em nossas vidas.

Com Jane Ribeiro

Como funciona a meditação e como ela pode provocar mudanças em nossas vidas?

Para responder a esta questão, vamos usar as palavras do Dr. Artur Spokojny, cardiologista, Diretor Assistente do Catherization Center no New York Hospital, que vem obtendo excelentes resultados usando a meditação cabalística em sua vida pessoal e profissional, com seus pacientes. Explica o Dr. Artur: “Em minha opinião, o corpo humano é como um computador. Assim como qualquer computador, ele requer um sistema operacional para funcionar adequadamente. Quando um computador se torna corrompido, você tem que reinstalar o sistema operacional. Algumas vezes você aplica um programa antivírus para limpar o sistema. O mesmo princípio está ocorrendo aqui. Escanear e meditar sobre as letras hebraicas é como fazer um download e reinstalando um novo sistema operacional no corpo”.

Os bons resultados da meditação vêm com a prática diária e o treinamento, exatamente como fazemos com o nosso corpo. Quando nos sentimos fracos, enferrujados, fora de forma, começamos um programa de exercícios. O ato de treinar pode parecer terrível, penoso e muito difícil. Mas depois de apenas algumas semanas de malhação, nos sentimos mais fortes e dispostos. O mesmo princípio é verdadeiro com a meditação. O ato de escanear e meditar sobre as sequências corretas é a nossa “malhação” espiritual, nosso treinamento metafísico que nos ajuda a entrar em forma espiritual. Depois de algum tempo praticando a meditação, as dúvidas e o pessimismo que usualmente ocupam nossa mente racional serão substituídos pela certeza e pelo otimismo. Iremos encontrar força interna para sermos proativos e reagir menos às circunstâncias externas, para libertar nossa verdadeira essência, para nos tornarmos mais seguros sobre quem somos. Rabino Joseph Saltoun

Vamos meditar, vamos aumentar nosso poder de transformação. É com esse objetivo que convidamos a todos para mais essa atividadeJane Ribeiro

Cabala – ou Kabbalah, em hebraico – é uma sabedoria que explica a origem espiritual do mundo, do ser humano e de tudo o que existe, nos ajuda a entender as leis que regem o Universo e contém as respostas para nossos questionamentos.

A Kabbalah não é uma religião como muitos pensam. É uma sabedoria cósmica e pertence a todos os povos e nações, sem diferença de crença, raça, nacionalidade ou qualquer separação.

Um dos primeiros ensinamentos que a Kabbalah proporciona é uma nova atitude diante da vida. Do mesmo jeito que existem leis físicas, como a lei da gravidade, a Kabbalah diz que existem leis espirituais que regem este mundo. E nos ensina a conviver com elas em harmonia. Ou seja, para a Kabbalah, não existe o acaso, e sim a lei de causa e efeito. Tudo o que acontece na nossa vida fomos nós que criamos de alguma forma. Assim, seu ensinamento mais importante é deixar de ter um comportamento reativo e passar a ser proativo. Ou seja, deixar de ser o efeito de determinadas situações e se tornar a causa delas. Desta forma, você deixa o papel de vítima, que nunca tem controle sobre a situação. Você aprende a parar, pensar e buscar a melhor forma de agir em cada momento.

Add comment

Ponte do Arco-íris Todos os direitos reservados ~ Criado por Fantaccini Comunicação