Histórico

Conheça a trajetória da Ponte do Arco-íris

Home > Nossa História

Abrimos o ano  de 2015 com Joseph Holzer, que voltou ao Brasil e à Ponte do Arco-íris, para realizar seus atendimentos de cura espiritual. Em março, recebemos nosso mestre Rabino Joseph Saltoun com a Festa de Purim, onde conseguimos acumular alegrias para o ano. Saltoun fez uma palestra sobre sua  viagem para o Egito, Grécia e Israel e, também o lançamento dois novos livros, o “Portal das reencarnações” do Rabino Isaac Luria e “Orações Cabalistas – A Arte de Orar segundo a Cabalá“.

Em nossas atividades regulares, os Encontros de Maria, que acontecem mensalmente, nos encheram de energia e luz. Fizemos os workshops de Constelações Familiares com Maria Izabel Rodrigues, que acontecem duas vezes ao ano no espaço.

Ainda em atividades regulares,  voltamos a realizar os encontros de Meditação Cabalística com Jane Ribeiro, que comandou também um Grupo de Estudos do livro Portal das Reencarnações do Rabino Isaac Luria, projeto realizado pelo Rabino Joseph Saltoun. Lançado aqui na Ponte do Arco-íris, trata-se de um livro que aborda com muita precisão a universalidade da reencarnação e explica, como nenhum outro, a evolução da humanidade. E o retorno de Paulo Murakata, com Noite aberta de Danças Circulares Sagradas e Noite Meditativa com danças meditativas.

Em setembro, recebemos Sandra Cabral e o workshop de Dança Circular Águas de mim: da fonte à foz. Em outubro, Carla Marangolo e Max Bereta realizaram a palestra: Astrologia, Destino, Lunações e Mecânica Quântica. E em novembro, Sandra Cabral e Deborah Dubner realizaram o worshop Dançando a Vida: Jornada de Aprendizagem nas rodas de Dança Circular Sagrada. E

No último ano (2014), seguimos abençoados recebendo o Xamã Uqualla novamente, que trouxe ainda o Xamã nativo-americano Puma, curador da Tribo Havasupai. Também sob muitas bênçãos, tivemos a presença de Joseph Holzer – o curador de almas – com atendimentos individuais de cura espiritualizada canalizada e uma belíssima meditação de auto-cura que emocionou a todos presentes. Ainda em 2014 recebemos, todos os meses, o Workshop – Self-Healing® – Vida em Movimento, uma oportunidade de aprender como respirar, relaxar, ver melhor, se sentir melhor e ter a sensação de que seu corpo pode funcionar bem e, também, a conhecer o seu potencial – e como efetivar esse potencial. Tivemos também a honra de receber aqui na Ponte, com um brilhante workshop, o criador do método, o Sr. Meir Schneider, em sua visita ao Brasil. Com muito prazer, anunciamos o início dos atendimentos de Astrologia e Tarô com Camelia Rodriguez.

2013 foi o ano de recebermos grandes personalidades do mundo espiritual. Começamos com atividades com o Xamã Uqualla, que compartilhou a sabedoria ancestral de sua tribo Havasupai de Grand Canyon, além de realizar aqui na Ponte atendimentos e rodas de cura. O ano também nos proporcionou a grande oportunidade de partilharmos a presença iluminada de Erik Berglund, um ser único que tocou nossos corações com sua harpa e sua espiritualidade. Este encontro ficará para sempre em nossas memórias.  Este ano tivemos também a Semana de Kabbalah com o Rabino Joseph Saulton, o Chanuka –  a Festa das Luzes – com palestra em conjunto com o Instituto Meron e o Rosh HaShaná. Em comemoração ao aniversário de 6 anos do nosso espaço, fizemos uma meditação pela Paz com nossa amiga e parceira Carmen Balhestero e inauguramos o Labirinto, um instrumento de meditação profunda, que nos conduz à semente do silêncio dentro de nós mesmos. Iniciamos ainda as praticas de yoga com Marcella Neuman.

As aulas em Videoconferências com o Rabino Joseph Saltoun falaram sobre as energias de cada mês e, através de meditações, nos proporcionou momentos de integração com a consciência da unidade. Continuamos as atividades com videoconferência nos anos seguintes de acordo com a orientação do Rabino e do Plano Espiritual. Todos os anos Rabino Joseph nos presenteia com algumas vindas à São Paulo, e os Encontros de Kabbalah são divulgados pela Ponte do Arco-íris, quando então ele ministra cursos, workshops e shabats.

O terapeuta e psicodramatista Alberto Boarini nos presenteou com o workshop “As Deusas Gregas” – O equilíbrio das deusas gregas dentro de si. Compartilhando como as Deusas e suas histórias influenciam diretamente cada aspecto dos relacionamentos. Atena, Afrodite, Ártemis, Perséfone, Deméter e Hera simbolizam todas as características encontradas individualmente nos homens e nas mulheres, que  estão cada vez mais em evidência na nossa sociedade atual.

Começamos 2011 com a primeira edição do Curso Básico de Astrologia  com Carla Marangolo, que pode trazer com sucesso mais esta ferramenta para os participantes interessados em aprofundar os seus conhecimentos. Recebemos também, com muita honra e alegria, os Shabats com o Rabino Joseph Saltoun. As palestras e orações revelaram momentuns de muita luz.

Dançando os florais de Bach reuniu o que dois mestres contemporâneos disponibilizaram para aplicarmos em nossas vidas com respeito, alegria e amor: Dr. Edward Bach com o sistema das flores e Anastasia Geng com as danças dos florais de Bach. Estes dois sistemas vêm sendo utilizados em todo o planeta como formas de trabalharmos harmoniosamente nossos corpos físico, mental, emocional e espiritual, beneficiando a nós mesmos e aos círculos dos quais fazemos parte: família, trabalho e comunidade. Venha participar deste trabalho de autoconhecimento através do mergulho nestes maravilhosos sistemas de cura!

Dançando Nanni e Fridel com Paulo Murakata incluiu coreografias belíssimas, transmitidas com a profundidade e leveza características do focalizador. Paulo esteve em imersão com Nanni e Friedel e tem uma forte identificação com o sensível repertório criado por elas, composto por danças que trabalham energias sutis, tocam a alma e o coração.

Max esteve presente nos encontros de lunação de Carla Marangolo e logo em seguida, começou a apresentar seus encontros de lua cheia. Mudar o coletivo, para o cidadão comum, é algo praticamente impossível. Porém, entender porque estas mudanças no coletivo estão ocorrendo e  utilizá-las como trampolim para mudanças individuais é um caminho possível. Em 2012, nos presenteou com estudo astronômico e astrológico sobre este ano de transformação tão importante para a humanidade que coincidiu com o final do calendário maia. Nas reuniões de Lua Nova nos foi dada ênfase ao individual e nas de Lua Cheia ao coletivo.

Em 2009 iniciamos nossos trabalhos com a energia da Kabbalah com nossa querida amiga Jane Ribeiro. Ela ministrou o Curso de Kabbalah neste ano e começou com os encontros de Meditação Cabalística e os 72 nomes de D´us, que acontecem até hoje na Ponte do Arco-íris, sempre na segunda e quarta segunda-feira de cada mês. Com muito amor e dedicação, Jane mantém nossa sintonia com a Kabbalah e as energias que vigoram a cada período, nos ajudando a iluminar nossas consciências e manter a conexão com a Luz Espiritual.

Tivemos também os trabalhos com Danças Circulares Sagradas. workshops mensais de Danças Circulares Meditativas com Paulo Murakata, além de outros workshops de dança com vários profissionais.  Acreditamos que as Danças Circulares trazem a integração dos indivíduos dançantes voltados para o movimento harmônico do grupo.

De olho no centro, em seu centro e em comunhão com a roda, a música e o movimento, é possível entrar em estados de consciência que nos permitem encontrar o apoio do grupo, transformar as desarmonias, ser acolhido e vivenciar a transcendência, alcançando de forma alegre e amorosa o espírito de pertencer a um todo maior e encontrar a própria paz. Cada roda traz uma experiência única e especial para cada participante.

Inauguramos o ano de 2010 com a alegre “Festa de Purim – o carnaval cabalístico”, residida pelo nosso querido mestre, o Rabino Joseph Saltoun, que mora no Canadá e dirige um Centro de Kabbalah neste país. Resgatamos a nossa alegria para o ano todo em cada evento, com orações, meditação, estudos e festa com máscaras. Para o Rabino Joseph Saltoun, “A Ponte do Arco-íris é um lugar de Alegria! A casa pede festas e celebrações!”

Apresentados por Adriano Grineberg e Edu Gomes, os “Concertos de Cura com músicas dos florais de Bach” trouxeram para a Ponte do Arco-íris as vibrações celestiais dos Devas das artes. Momentos inesquecíveis foram experienciados por todos através da música das esferas curativas. Foram momentos de harmonia e deleite que coroaram nosso primeiro aniversário e encerramento de nossas atividades do ano em 2008.

Outros convidados especiais trouxeram mais luz à Ponte do Arco-íris, como Vandir Casagrande (presidente e, até então, responsável pela divulgação do Calendário Maia/Calendário da Paz no Brasil). Com o curso do Calendário da Paz (Calendário Maia), foram dois dias de ensinamentos que nos trouxeram com clareza a forma como o conhecimento canalizado pela sabedoria de nossos ancestrais Maias, nos chega para harmonizarmos nossas vidas e viver dentro de princípios energéticos ditados pela natureza e não pelo calendário gregoriano artificial.

Para melhorar a qualidade de vida das pessoas, a Ponte do Arco-íris apresentou cursos de culinária vegetariana e alimentação desintoxicante, e ainda, alimentação crua e viva com Conceição Trucon. Acreditamos que cuidar do corpo começa com uma alimentação saudável que pode mudar positivamente nossos hábitos e trazer bem-estar, força e vitalidade, eliminando as toxinas do corpo, deixando que a nossa energia flua de forma equilibrada e aumente nossos níveis de saúde e bem estar. Nós somos o quê pensamos e o quê comemos.

Para enriquecer o trabalho terapêutico do espaço, a terapeuta Maria Izabel Rodrigues os presenteia com duas datas ao ano para comandar os workshops de Constelações Familiares. Este encontro transformador é baseado no método criado por Bert Hellinger, que, através da energia sistêmica, trabalha nosso campo energético e desfaz emaranhados criados pelos nossos ancestrais. E é com gratidão e imensa alegria que ouvimos sempre os relatos de curas pessoais e dentro do núcleo familiar de muitos dos participantes. Por isso temos sempre a satisfação de abrir as portas para mais esta ponte de luz em na Ponte do Arco-íris a cada ano.

Seguimos nosso ano formando um belo grupo em 2008 ligado a cinema, que apresentou as “Profecias Maias”, “O guerreiro pacífico” e ”Zen, a história de seu criador”, entre outros, que finalizou em 2010. Apresentamos também “Egito, a terra do Sol” e imagens extraordinárias de “Crop Circles” (Inglaterra).

Os Cursos de Magnified Healing, energia de cura da quinta dimensão, realizados em 2008 e 2009, foram de muita luz curativa e amorosa. Resgatou entre as pessoas a força da solidariedade, amorosidade, compreensão e o poder da autocura, transmitidos através das iniciações com o objetivo de formar curadores dentro deste método. Magnified Healing foi  trazido para o planeta através da Mestra Kwan Yin, a Deusa do Amor Compassivo e Misericordioso, fonte  destas energias para o Planeta.

Em “Encontros de Transformação” apresentamos os Mestres da Fraternidade Branca e iniciamos, desta forma, nossos trabalhos espirituais na casa. Acreditamos que a egrégora formada pelos trabalhos em grupo, e através de nossos estudos, ajuda a acelerar o processo de compreensão para que a auto-transformação aconteça. As opiniões compartilhadas, a participação de cada indivíduo com suas diferenças, traz a estes trabalhos a riqueza espiritual latente traduzida em crescimento pessoal para todos.

Para priorizar a saúde da mente, introduzimos as Práticas de Meditação, pois acreditamos que é necessário praticar o silêncio e integrar mente e espírito para uma vida mais harmoniosa e feliz. Realizamos também encontros para aprender diferentes métodos de práticas meditativas como: Meditação Zazen, com a terapeuta Valquíria Lis, – incluímos nesses encontros práticas de visualização criativa -, Meditação da Fraternidade Branca com a terapeuta Maria Auxiliadora Gomes. Além de outras práticas como Meditação de Autocura Tântrica, Meditações ativas como a Meditação do coração e os Cinco ritos tibetanos e, ainda, as Meditações da Lua cheia de Wesak – que acontecem todo ano -, marcando, a cada momento, a entrada das energias da iluminação. Nesses encontros de meditação, os grupos formados atuam como receptores que compartilham a Luz com o Planeta.

Nossas práticas de Meditação têm sido constantes com “Meditações nas bençãos da Mãe Divina”, “ Encontros de Maria” , ”Práticas Meditativas” com Zazen, “Meditações de lua cheia”, “Conselho Cármico” e em ocasiões especiais quando é necessário a união do grupo para gerar mais um momentum de Luz para ser compartilhado com o Planeta.

A Lua Cheia em Wesak é considerada, pela Fraternidade Branca, pelos  estudiosos e pelos esotéricos, a Lua Cheia mais importante do ano.  É um momento em que o ‘’Touro do Desejo’’, ou o desejo egoísta  do ser humano pode se transformar em Vontade Divina para compartilhar Luz com toda a Humanidade.

Através da arte pensamos o “Ser espiritual”. O Teatro Místico chega como um ponto de reencontro do sagrado através da manifestação artística. Unir a arte à espiritualidade, resgatar o ritual, que desde os primórdios do teatro era inerente à cena, e a elevação do espírito através da arte sempre foram nossos objetivos. Deste modo, procuramos utilizar o recurso da cena e do ator para trazer uma cumplicidade que permite a experiência viva do teatro ritualístico. Passar ensinamentos de tradições antigas através de histórias e contos, como no espetáculo “Véus do Encantamento” em 2007 (Histórias Sufis e Indianas), que apresentamos em nossa inauguração. Associar experiências, ensinamentos e traduzir o conhecimento de verdades sagradas em forma artística, são alguns dos propósitos de nossa nova visão sobre o teatro e a arte, que pretendemos unir em nossas produções e apresentações. Nossa primeira experiência com os contos Sufis e Indianos em “Véus do Encantamento” foi o passo inicial para esta fascinante jornada que pretendemos continuar em breve com outras apresentações.

Também trabalhando na linha junguiana associada à terapia corporal, as terapeutas Valquíria Lis e Fátima Corga, integraram nossa equipe em nosso início, ficando conosco até 2013.

Com o objetivo de harmonizar corpo e mente, tivemos em nosso espaço também as Massagens orientais e Massoterapia integrada aos métodos vibracionais dos campos de energia do corpo. Acrescentamos também as Práticas de Yoga para compor essas atividades.

Ainda em 2008, ajudando a integrar o campo astrológico da Ponte do Arco-íris, criamos o grupo de Encontros de Lunação com a direção de nossa querida astróloga Carla Marangolo. Desde então, tivemos reuniões mensais em toda lua nova. Carla, com muita competência e humor, nos deu, a cada mês, dicas sobre as energias de cada ciclo lunar, o que fez a todos estarem atuantes em suas transformações necessárias para conduzirem melhor suas vidas, aproveitando as dádivas do céu em cada período.

Inauguramos a Ponte do Arco-íris em 21 de setembro de 2007 com apresentação de Histórias Sufis e Indianas, “Véus do Encantamento” com Maria Auxiliadora Gomes Freitas e Renata Fontes e uma Exposição de Fotos de nossos artistas adolescentes Leandro Lamezi Corrêa e Vera Papini em seu “Olhar sobre a cidade de São Paulo”.

A inauguração foi um sucesso e iniciamos nossos trabalhos no espaço. Começamos com os atendimentos terapêuticos: corporais, junguiano e alternativos e, recebemos vários workshops, como as Constelações Familiares, que acontecem até hoje, e cursos, como o de radiestesia, feng shui e Theta Healing, entrando em 2008 com o pé direito e seguindo com nossas atividades, a terapeuta junguiana Maria Auxiliadora Gomes Freitas, integrou ao nosso espaço Terapia Juguiana e atendimentos com Terapia com Florais de Bach, Florais de Saint Germain e Essências Florais dos Golfinhos, sessões com o Colchão de Ametistas BIOMAT, Cura Quântica.

Ponte do Arco-íris Todos os direitos reservados ~ Criado por Fantaccini Comunicação